Notícias

Prefeitura enfrenta a crise e mantém direitos do servidor em dia

É com eficiência e seriedade que a Prefeitura de Goianá enfrenta uma das maiores crises econômicas da história do País. Prova disso são os compromissos com o funcionalismo, que estão em dia, mesmo com o Estado devendo ao município mais de R$ 1 milhão de reais. São repasses em atraso relativos à Saúde, ao ICMS e ao FUNDEB, essencial para o pagamento dos professores.

Na ação mais recente em respeito aos direitos do servidor, a Administração Municipal antecipou para o dia 15/12 o pagamento do adicional do cartão alimentação de dezembro. Sem falar no 13º, pago integralmente no dia 10 e no salário de novembro, pago no dia 1º de dezembro. Tudo isso, apesar de todas as dificuldades. ISTO SIM, É JEITO SÉRIO E COMPETENTE DE TRABALHAR.